Crentes nas redes sociais

Publicado em 3 de maio de 2013

Graça e Paz da parte de Deus nosso Pai e de Jesus Cristo nosso Senhor!

 

Galera não é novidade prá ninguém dizer que o facebook é hoje a grande atração de nossa época. E claro, nossos irmãos não estão fora dessa grande rede social, os próprios colaboradores do Diário de Bordo tem os seus (para quem não conhece o do Capitão é J… deixa quieto rsrs). E eu como um dos maiores especialistas em interação social gostaria de dar dicas práticas para você se portar como um cristão. Tá, beleza, não sou especialista nenhum, não sirvo para dar dicas, mas vou comentar, esse espaço é meu!

 

Se você é cristão deve saber que Deus olha para toda a sua forma de viver. Deus não fixa os olhos em ti quando está na igreja apenas, e nos demais instantes te larga vivendo a vida da forma que bem lhe aprouver. Deus se interessa pelo todo. Aí caro amigo, preciso lhe dizer que seu perfil no facebook ou alguma outra rede social, se você é um cristão também pertence a Deus. E avaliando nossos “irmãos” nas redes, vejo que muitos não entendem bem o que estão fazendo. Já vi tantas vezes perfil de jovens, que se denominam evangélicos, mas se você der uma viajada nas informações, nas postagens, nas fotos não condiz com aquilo que se espera de um cristão. Não acho correto, por exemplo, um cristão que compartilha algum tipo de postagem com palavrões. Por mais engraçado que seja, por mais impactante que seja a frase, mas essa fraseologia não pode fazer parte do vocabulário de um cristão (não é um discurso moralista, apenas procuro desenvolver um sentido bíblico). Várias vezes já quis compartilhar algo  com amigos, mas que infelizmente continha uma palavra que não era viável.

 

E as fotos??? Cara irmãzinha de corpo bonito, moldado em academia ou não, não é legal para você, ou melhor para a cristandade suas fotinhos com vestidinho de funkeira curto, ajustado e decotado. Tenho em meu perfil meninas que tem lá o seu book. Pintura, roupa sensual, mostrando cada detalhe do corpo bem torneado. Fotos com 839 “curtir”, 284 comentários do estilo “linda”, “arrasou”, “nossa nossa assim você me mata”. Minha opinião como homem? Ótimo,” multiplica senhor” (quem convive nas redes sabe dessa expressão). E como cristão? Dá vergonha de saber que no domingo aquela mesma irmã com cara de piriguete estará de piricrente na igreja. De forma alguma quero dizer que essa pessoa não deve ir a igreja, aliás acho até que ela deveria ir mais além de só o domingo rsrs.

 

Dias atrás “trollei” (aliás essa é uma prática que costumo fazer freqüentemente rs) um pequeno gajo de nossa igreja. Ele adora carros rebaixados, aquela visão de bandido. E sua postagem com a imagem de policiais parando um veículo que mais parecia uma prancha com rodinhas dizia” ao invés de se preocupar com isso, a polícia deveria ir atrás de bandidos”. Amigon, carro rebaixado também é contra a lei. Suas opiniões nas redes sociais dizem muito de quem você é, aliás é ali que muitos revelam sua verdadeira identidade, suas teses, sua mente pervertida e muitas vezes vazia. No momento que você está sozinho, na frente de um computador ou um celular você se demonstra quase que no todo. Agora, tenho de lhe informar que você que diz ser cristão, evangélico, protestante, crente, coloca-se como legítimo representante de Cristo e do seu reino. Então peço-vos: um pouquinho mais de responsabilidade. Antes de fazer alguma coisa, pense se Deus se agrada (aliás isso se aplica a tudo nessa vida).

 

Imagine agora comigo se Jesus tivesse um perfil no facebook. Você acha que Ele teria lá uma foto sem camisa mostrando seu bíceps ou sua barriga de tanquinho? Ou uma foto de sunga? (Você menina pode trocar a palavra sunga por biquíni). Você considera a hipótese do apóstolo Paulo compartilhar uma frase do Mano Brown em que esteja contido algum palavrão? E Pedro curtir a página da “Bohemia”? E outro fato complementar. Seu perfil de rede social, é hoje alvo de pesquisa para processos de seleção em empresas. Eu como administrador não contrataria um evangélico com várias fotos de balada e que curte página de cervejaria ou do Mc Naldo…

 

Não quero aqui com esse texto, é como eu diria, “evacuar regra“ para ninguém, mas levar à reflexão. Eu mesmo já fiz algumas coisas que não deveria. Certa vez postei uma frase de Nelson Rodrigues que apesar de uma mensagem interessante escandalizou algumas pessoas. Tentei argumentar e como não obtive sucesso, exclui (que fique claro que eu estava certo rsrs). Então querida, da próxima vez que for postar uma foto, toma cuidado com o shortinho ou o vestido de baile funk. Você irmãozinho, cuidado com os palavrões e as opiniões que você compartilha provenientes de Mr. Catra. E caso você não esteja interessado mesmo na opinião alheia e seu lema é “o perfil é meu, eu posto o que quiser e que se dane”, ao menos tire a definição “Evangélico” de seu perfil. Por que o escândalo segundo Jesus é um grande agente de condenação não, para quem sofre o agravo mas sim para quem causa o escândalo Lc. 17.1-10.

 

 

Do marinheiro de primeira viagem

 

Soli Deo Glori!

 

Entre em Contato com Nossa Equipe:
Ouça nosso Podcast: 
Clique Aqui
Comunique: podcastdb@gmail.com
Siga: http://www.twitter.com/podcastdb
Curta: http://www.facebook.com/blogdiariodebordo
Navegue: http://www.diariodebordo.net.br

O Marinheiro
O Marinheiro
Devoto de São Marcos, O Marinheiro de Primeira viagem busca sempre dentro de um tom crítico e contestador encontrar a vontade e a verdade de Deus nas atitudes e palavras, ditas num púlpito ou não. Questionador por natureza sem nenhuma resposta que não as Escrituras que falam por si

PLAYLIST PODCAST

PARTICIPANTE POR EPISÓDIO

CATEGORIAS